Log In | Contact Us | View Cart (0 items)
Browse: Collections Digital Content Subjects Creators Record Groups

Adriano Inácio Botelho (espólio)

Visão Geral

Resumo

Âmbito e Conteúdo

Biographical Note

Informação Administrativa

Descrição Detalhada

Desenhos

Fotografias

Textos

Correspondência

Documentos Pessoais



Contact us about this collection

Adriano Inácio Botelho (espólio), s.d | Arquivo Histórico-Social / Projecto MOSCA

Por Paulo Guimarães

Printer-friendly Impressão | Email Us Contacte-nos sobre esta colecção

Visão geral da colecção ou fundo

Título: Adriano Inácio Botelho (espólio), s.dAdicionar ao Seleccionador de Documentos.View associated digital content.

Datas Predominantes:s.d

ID: C/BA/CBA

Entidade produtora: Botelho, Adriano (1892-1982)

Dimensão: 4.0 Caixas

Organização:

Esta documentação foi instalada em 5 caixas de arquivo (caixas 3 a 7). O núcleo de Adriano Botelho é composto por 199 documentos políticos e memoriais escritos, traduzidos, adaptados ou compilados pelo autor.

Na caixa 6: duas pastas contêm o mesmo tipo de documentos; 1 maço contém 40 pastas de documentos elaborados pelo autor e compilados por J. Freire e Carlos Abreu para o livro Memória e Ideário, Angra do Heroísmo,1989; 3 pacotes de documentos contêm escritos autobiográficos, documentos escolares e opiniões sobre  o livro do A.; 1 maço de documentos do autor entregues por E. Rodrigue; 1 questionário.

Na caixa 7: 1 pasta com documentos diversos,1 pasta com documentos relativos a Aurélio Quintanilha. 1 maço de recortes coleccionados por Adriano Botelho. 8 fotos. 1 negativo fotográfico.

Data de incorporação: 00/00/1980. More info below under Accruals.

Línguas: Português

Resumo

Colecção de documentos pertencente ao espólio de Adriano Botelho, anarquista e militante confederal, que integra o a Arquivo Histórico Social (ver inventário A.H.S.). Este espólio é maioritariamente constituído por documentos políticos e memorialistas produzidos por este militante.

Coleção composta de: 1 maço que contém 40 pastas de documentos elaborados por A.Botelho e compilados por J. Freire e Carlos Abreu para o livro Memória e Ideário, Angra do Heroísmo,1989; 3 pacotes de documentos contêm escritos autobiográficos, documentos escolares e opiniões sobre  o livro de A. Botelho.; 1 maço de documentos deA. Botelho entregues por E. Rodrigue; 1 questionário; 1 pasta com documentos diversos,1 pasta com documentos relativos a Aurélio Quintanilha. 1 maço de recortes coleccionados por Adriano Botelho, 8 fotos. 1 negativo fotográfico.

Âmbito e conteúdo

Esta coleção é composta de: 1 maço que contém 40 pastas de documentos elaborados por A. Botelho e compilados por J. Freire e Carlos Abreu para o livro Memória e Ideário, Angra do Heroísmo,1989; 3 pacotes de documentos contêm escritos autobiográficos, documentos escolares e opiniões sobre  o livro de A. Botelho, 1 maço de documentos de A. Botelho entregues por E. Rodrigues; 1 questionário; 1 pasta com documentos diversos,1 pasta com documentos relativos a Aurélio Quintanilha. 1 maço de recortes colecionados por A. Botelho, 8 fotos, 1 negativo fotográfico.

Nota Biográfica

Adriano Inácio Botelho nasceu a 12 de Setembro de 1892, na Ilha Terceira, Açores. Mais tarde veio para o continente português e em 1911 entrava na Universidade de Coimbra. E foi também por essa época que tomou contacto com os anarquistas e suas ideias tais como António José de Ávila, Neno Vasco e Aurélio Quintanilha, entre outros.Desde então, transformou-se num dos mais eficientes colaboradores da imprensa anarquista, anarco-sindicalista e da C.G.T. a cujo Comité Confederal pertenceu por longos anos.

Pertenceu a um dos mais produtivos grupos anarquistas, O Semeador, e colaborou de uma forma decisiva para que esta obra se tornasse uma realidade.

Informação administrativa

Accruals: A caixa 6 contém um maço de documentos entregues por Edgar Rodrigues relativos a este militante confederal.

Restrições de comunicação: Esta documentação é de acesso livre.

Restrições de comunicação: Documentação de acesso livre para fins não comerciais e sujeita à legislação aplicável em vigor.

Fonte de aquisição: Adriano Inácio Botelho

Método de aquisição: Este conjunto documental foi depositado na BNP como parte integrante do AHS.

Informação sobre avaliação: Não foram realizadas acções de avaliação.

Nota sobre originais/cópias: Este espólio foi integralmente digitalizado pelo projecto Mosca. For more information please see http://mosca-servidor.xdi.uevora.pt/projecto/AHS_JPG/C_Militantes/CBA%20Adriano%20Botelho/.

Citação: Portugal. Biblioteca Nacional/Arquivo Histórico- Social- Espólio de Adriano Botelho (BNP.N61, Cx 7,30,53

Revisões a este registo:

Neste arquivo digital, o núcleo “Outros militantes” foi reorganizado de acordo com a sua proveniência. Manteve-se, porém, o arranjo anterior da documentação na sua forma física.

A cópia digital desta colecção foi organizada e descrita no âmbito do projecto MOSCA ( 2010-2013)


Listagem de conteúdos de caixas e pastas


Listagem por Serie:

[Serie DAB: Desenhos],
[Serie FOT: Fotografias],
[Serie TEX: Textos],
[Serie COR: Correspondência],
[Serie DOC: Documentos Pessoais],
[All]

Serie TEX: TextosAdicionar ao Seleccionador de Documentos.View associated digital content.
Acessível em:: http://mosca-servidor.xdi.uevora.pt/projecto/AHS_JPG/C_Militantes/CBA%20Adriano%20Botelho/Textos%20/
Documento JMCF_01: A Anarquia: Apontamentos e Pensamentos de Adriano Botelho, 1970Adicionar ao Seleccionador de Documentos.

Arquivo Histórico-Social

Espólio José Maria C. Ferreira

Adriano Botelho

A Anarquia: Apontamentos e Pensamentos de Adriano Botelho. – Lisboa: 1970. – Dactilografo (tinta cor vermelha) – 20 x 12,5 cm. – 41 fls. Numeradas (com lapsos de repetição). Termina na folha nº 38 (truncado?)

Nota: continua na fl. 38 A Anarquia: A Política Parlamentar dos Movimento Socialista [Introduzida pelos] Marxistas.

Ficheiro PDF

Documento entregue por José Maria Carvalho Ferreira (Janeiro 2018)

Documento JMCF_02: A Política Parlamentar do Movimento SocialistaAdicionar ao Seleccionador de Documentos.

Arquivo Histórico-Social - Projecto MOSCA II / Espólio José Maria Carvalho Ferreira

Adriano Botelho

A Anarquia: A Política Parlamentar do Movimento Socialista [Introduzida pelos] Marxistas. – Lisboa: 1970. – Dactilografo (tinta cor vermelha) – 20 x 12,5 cm. – 169 fls. Numeradas. Começa na folha 38 (truncado?)

Precede de “A Anarquia: Apontamentos e Pensamentos de Adriano Botelho.

Documento JMCF_03: História Internacional do AnarquismoAdicionar ao Seleccionador de Documentos.

Biblioteca Nacional de Portugal

BNP/N61 Arquivo Histórico Social / Projecto MOSCA II

Adriano Botelho / Textos

Dados coligidos por Adriano Botelho sobre a História Internacional do Anarquismo  (séculos XIX e XX) e organizados por Egdar Rodrigues – AB/ER: Pasta 01

História custodial: Documentação guardada e organizada por Edgar Rodrigues que a cedeu a José Maria Carvalho Ferreira e João Freire (Jan.2018 MOSCA)

Documento JMCF_04: As Ideias libertárias no Plano Internacional:Adicionar ao Seleccionador de Documentos.

Origens e Evolução do Anarco-Sindicalismo. As Ideias libertárias no Plano Internacional: Do Congresso de Haia (1872) até à Actualidade - Factos e Documentos / Adriano Botelho (organizador, tradutor e compilador).

Advertência e copia por Francisco Quintal

Documento JMCF_05: As Ideias Libertárias no Plano Internacional (Manuscritos)Adicionar ao Seleccionador de Documentos.

Origens e Evolução do Anarco-Sindicalismo. As Ideias Libertárias no Plano Internacional.

Manuscritos e papeis dactilografados

Documento JMCF_06: Autobiografia, 15-01-1982Adicionar ao Seleccionador de Documentos.
Adriano Botelho,militante da "velha guarda" libertária,respondeu a um questionário elaborado por Joaquim Palminha Silva,a partir de 15-01-1982 através de cartas escritas pelo seu próprio punho. Por uma questão de eficácia do texto,o autor do questionário verificou, ao longo das cartas enviadas por Adriano Botelho, que este havia dado ao seu testemunho escrito um tom próximo do autobiográfico,pelo que entendeu eliminar o tipo de questões que,entretanto,lhe tinha proposto. (...) Estas pequenas memórias compreendem um conjunto de seis cartas - seis partes e/ou capítulos - enviadas para J.P.S. em 15-01-1981;5-II-1982; 19-IV-1982; -IV-1982;28-V-1982;-VI-1982,redigidas num tom narrativo e resumido,compreendendo a vida deste militante anarquista desde os a- nos imediatamente anteriores á implantação da República até muito depois do 18 de Janeiro de 1934.
Documento JMCF_07: Questão Santos Arranha – Manuel Joaquim de SousaAdicionar ao Seleccionador de Documentos.

Projecto Mosca Arquivo Histórico-Social

Espólio Adriano Botelho Custódia: Francisco Quintal, José Maria Carvalho Ferreira

Questão Santos Arranha – Manuel Joaquim de Sousa

Cont.(inuação) 21. Questão Santos Arranha – Manuel Joaquim de Sousa, s.l.n.d. – 19 folhas manuscritas recortadas irregularmente (c. 180 x 110 mm) e numeradas a lápis por F. Quintal (?). Começa no número 612 e termina no 631.

Documento JMCF_08: Conferência de Unidade, em 1926Adicionar ao Seleccionador de Documentos.

Projecto Mosca | Arquivo Histórico-Social | Espólio Adriano Botelho | Custódia: Francisco Quintal / JMCF

Conferência de Unidade, em 1926, em Lisboa

Cont.(inuação) 22. Conferência de Unidade, em 1926, em Lisboa, s.l.n.d. – 4 folhas manuscritas recortadas irregularmente (c. 180 x 110 mm) e numeradas a lápis por F. Quintal (?). Começa no número 632 e termina no 635.

Documento JMCF_09: Textos Continuação 26-30Adicionar ao Seleccionador de Documentos.

Projecto Mosca | Arquivo Histórico-Social | Espólio Adriano Botelho | Custódia: Francisco Quintal

[sem título] Continuação 26-30. [sem título], s.l.n.d.

Cont. 26-27: 20 folhas dactilografadas (duplicados a vermelho) em papel “bíblia” (ou de duplicado) (c. 140 x 215 mm) e numeradas a lápis por F. Quintal (?). Começa no número 20 e termina no 38. A folha 36 está em a azul (duplicada).

Cont. 28: começa na fl. 64. Não foram contradas folhas entre a fl.36 e 64.

Cont. 29: Não foi encontrada.

Cont. 30: começa na fl.54 e termina na fl.63

Documento MJS: Relatório do delegado da C.G.T. portuguesa ao Pleno da A.I.T. e ao Congresso dos Imigrados revolucionários espanhóis em FrançaAdicionar ao Seleccionador de Documentos.
Documento sem data atribuído inicialmente a Manuel Peres e que faria parte do espólio de Adriano Botelho. João Freire atribui a sua autoria a Manuel Joaquim de Sousa. Documento recebido via JMCF



Page Generated in: 0.276 seconds (using 401 queries).
Using 11377592B of memory. (Peak of 11701200B.)

Powered by Archon Version 3.12
Copyright ©2010 The University of Illinois at Urbana-Champaign