Log In | Contacte-nos | Seleccionar Documentos (0 itens)
Navegar por: Colecções Conteúdos Digitais Assuntos Produtores Classificação

Silva, Joaquim da (1867-1925) | Arquivo Histórico-Social / Projecto MOSCA

Nome: Silva, Joaquim da (1867-1925)
Nome Completo: Joaquim da Silva


Nota Biográfica: Fundidor de profissão, nasceu em 1867 e morreu a 19 de Março de 1925. Começou a sua luta contra a lei de 13 de Fevereiro do ditador João Franco, cujo regime ajudou a derrubar. Da grande empreitada só recebeu dissabores, mas isso não o abateu, pelo contrário, redobrou as suas convicções e radicalizou a sua acção! E partindo desse marco, do final do século 19, transformou-se num baluarte em defesa da liberdade. Escrevendo em prosa, em verso ou discursando, Joaquim da Silva tornou-se um tenaz inimigo do capitalismo e do autoritarismo. Marcou a sua presença na Associação do Pessoal da Companhia das Águas e durante uma greve sem êxito, acabou por ser demitido. Joaquim da Silva pertenceu também à União dos Sindicatos Metalúrgicos de Lisboa, à Associação dos Fundidores, ao Sindicato Único Metalúrgico de Lisboa, à Federação Metalúrgica e aos Tribunais dos Acidentes de Trabalho e Árbitros Avindores, onde desempenlrou a função de vogal da pauta operária. Nesta última função foi um defensor incondicional dos menores 'explorados para além das suas forças físicas.
Fontes: E. Rodrigues (1982). A oposição Libertária em Portugal. 1939-1974. Lisboa. Sementeira.
Nota do Autor: E. Rodrigues (1982)




Page Generated in: 0.094 seconds (using 99 queries).
Using 8681672B of memory. (Peak of 8803376B.)

Powered by Archon Version 3.12
Copyright ©2010 The University of Illinois at Urbana-Champaign