Log In | Contacte-nos | Seleccionar Documentos (0 itens)
Navegar por: Colecções Conteúdos Digitais Assuntos Produtores Classificação

Costa, Emílio Martins (21/02/1877-17/07/1952) | Arquivo Histórico-Social / Projecto MOSCA

Nome: Costa, Emílio Martins (21/02/1877-17/07/1952)
Nome Secundários: Emílio Costa
Nome Completo: Emílio Martins Costa


Nota Biográfica: Nasceu em Portalegre a 21 de Fevereiro de 1877 e faleceu a 7 de Julho de 1952, em Lisboa, o professor Emílio Costa, que durante a sua juventude andou entre os anarquistas e tomou parte no desenvolvimento das lutas operárias, dedicando-lhes muito dos seus conhecimentos. Colaborou na imprensa anarquista e operária por longos anos, chegando a tomar posições nem sempre coerentes, uma delas dando origem a uma polémica na qual entrou Neno Vasco. Libertário na juventude, acabou, como outros intelectuais, mudando os rumos de sua posição. Entusiasmou-se pelo Sindicalismo depois de traduzir A Acção Sindical, Sindi-calismo e Socialismo e A Confederação Geral do Trabalho. Chegou a ser indicado, como anarquista, para secretário particular do poeta Guerra Junqueiro, que durante o governo provisório da república fora ministro de Portugal em Berna, Suiça, lugar que abandonou por tomar conhecimento de que a polícia republicana prendera trabalhadores grevistas em Setúbal. Viveu e morreu ajudando os trabalhadores, esclarecendo dúvidas e fazendo conferências nas sedes dos sindicatos, mas vivendo sempre divorciado da sua realidade. Entre os trabalhos de Emilio Costa, Sindicalismo Independente apresenta-se como uma espécie de profissão de fé.
Fontes: E. Rodrigues (1982). A oposição Libertária em Portugal. 1939-1974.Lisboa.Sementeira.
Nota do Autor: E. Rodrigues (1982).






Page Generated in: 0.099 seconds (using 109 queries).
Using 8952608B of memory. (Peak of 9074136B.)

Powered by Archon Version 3.12
Copyright ©2010 The University of Illinois at Urbana-Champaign